Pesquisar este blog

sábado, 7 de janeiro de 2012

Resposta para a “denúncia” requentada na Época

Um forte cheiro de marmita requentada exalou na redação da revista Época em Brasília na última sexta feira. De autoria do repórter Marcelo Rocha, uma “reportagem” feita com base em um dossiê elaborado por adversários políticos meus, sugere que existiu má aplicação de recursos público durante meu governo.

O ponto de apoio da “reportagem” seria o relatório elaborado pela Auditoria Geral do Estado sobre a aplicação dos recursos oriundos de dois empréstimos contraídos junto ao BNDES. O primeiro deles, contrato de operação de crédito, PEF II de nº 10.2.0517.1, no valor de R$366.720 milhões de reais, destinado a compensar as perdas decorrentes da crise econômica 2008/2009, cujos os recursos da operação podem ser utilizados em qualquer despesa de capital/investimento e o outro, de nº 21/03718, no valor de R$ 100.984 reais, contraído junto ao banco do Brasil, também com recursos do BNDES, destinado a realização da primeira etapa do Projeto Ação Metrópole. Segundo o repórter, R$ 76 milhões de reais no primeiro empréstimo teriam sido justificados com notas fiscais referentes a pagamentos do segundo.

O que temos a esclarecer novamente, é que os valores identificados pela AGE como supostamente decorrentes de sobreposição de notas fiscais, no montante R$ 76.945.888,16, estão comprovados no item FDE-Fundo de Desenvolvimento do Estado, do referido quadro da página 337, que destinou recursos aos municípios no valor de R$ 68.984.289,60 e emendas parlamentares no valor de R$ 10.598.163,39, através de convênios no valor total de R$ 79.582.452,99, por meio do qual foram atendidos 81 municípios.

Percebe-se que nos próprios relatórios oficiais do governo do estado, 017/AGE, 020/AGE e no “Levantamento de informações sobre Operação de Crédito junto ao BNDES/PEF II realizado pela SEPOF, apresentam divergências quanto a valores e aplicação dos recursos decorrentes da referida. Contudo, todas elas chegam à conclusão que a totalidade dos recursos recebidos foi devidamente aplicada.

É importante destacar que os relatórios da AGE acusam sem provas o governo anterior de ter desviado os R$ 76 milhões, pois não comprovam essa destinação com as Ordens Bancárias-OB dos pagamentos, pois, para cada pagamento é obrigatório constar no SIAFEM uma Nota Fiscal vinculada a uma única Ordem Bancária. Desafiamos o governo Jatene a apresentar as Ordens Bancárias que deram origem ao suposto desvio de recursos.

Na época em que tais acusações apareceram na imprensa local, agosto de 2011, elas foram respondidas pela bancada de deputados de meu partido na ALEPA. O deputado Carlos Bordalo, líder do PT na Assembléia, chegou a desafiar o governador Simão Jatene, dizendo que caso as denúncias fossem comprovadas renunciaria ao mandato de deputado. Bordalo segue na ALEPA e as denúncias foram esquecidas.

Quando fui procurada pelo senhor Marcelo Rocha através de minha assessoria para responder a alguns questionamentos em relação a esta infundada denúncia, o fiz de forma reticente, na certeza de que nada de bom poderia sair dali. E tinha razão. Nada do que respondi foi utilizado na matéria. Apesar de dispor de todas as informações, inclusive com cópia do relatório da AGE que mostra que os recursos foram aplicados em sua totalidade, inclusive com valores a maior, cópia esta disponibilizada em meu blog pessoal e no site do PT em agosto passado, ele insistiu com a insinuação.

Para que não reste sombra de dúvida sobre a aplicação do recurso, publico a seguir a cópia do relatório e o destaque para o total do valor aplicado:
No destaque o total dos valores aplicados. Note que o
saldo pago a maior foi de mais de 10 milhões de reais










Acompanhe abaixo as perguntas e as respostas que enviei:

“1) A senhora tomou conhecimento do resultado da auditoria realizada pelo Estado? Tomou alguma providência?

R: Tomei conhecimento apenas após ter sido divulgado pela imprensa local há alguns meses atrás e, sim, providências foram tomadas.

2) A senhora se manifestou formalmente nessa apuração? Em caso afirmativo, qual foi a manifestação?

R: Apesar de eu nunca ter sido procurada pela AGE ou qualquer órgão da administração pública estadual, foi feito um esclarecimento público pela bancada estadual do meu partido sobre o assunto, que pode ser acessada no link a seguirhttp://www.pt-para.org.br/wp-content/uploads/2011/08/NOTA-366-REDIGIDA-11.pdf

3) A AGE aponta falta de transparência na execução dos empréstimos. Um exemplo seria a transferência de valores para a conta única do Estado. Por que os recursos tramitaram pela conta única do Estado? Não deveria ter ficado em conta específica?

R: Os recursos da referida operação de crédito foram depositados em conta específica. Para dar mais agilidade nas liberações aos órgãos executores os recursos foram transferidos para a conta única do tesouro e em seguida distribuídos aos órgãos executores. Não há, com essa movimentação, falta de transparência, dado que todos os repasses aos órgãos obedecem a uma identificação de fontes e contas, bem como, ao final a geração de ordens bancárias e notas fiscais que comprovam a efetiva aplicação dos recursos nos investimentos programados. Isso pode ser verificado tanto no SIAFEM, quanto no site Portal da Transparência criado no nosso Governo.

4) Quais as obras foram realizadas com os dois empréstimos? Gostaria que informação fosse detalhada por empréstimo, o do BNDES e o do BB.

R: Na verdade os dois empréstimos são do BNDES, sendo que em um deles o o Banco do Brasil é apenas repassador dos recursos e no outro diretamente o BNDES. No primeiro caso, tratou-se da primeira fase do Projeto Ação Metrópole, que é a maior intervenção em termos de mobilidade urbana feita em Belém nos últimos quinze anos, tendo sido integralmente concluída em 2010, durante meu governo. No segundo caso,trata-se de um empréstimo destinado a compensar os estados pelas perdas provocadas pela crise internacional de 2008. No próprio relatório da AGE existe uma lista, desde recursos para a construção da Nova Santa Casa, obras de urbanização, contrapartidas do PAC, pavimentação de estradas, Navega Pará, Distritos Industriais e uma série de obras em 83 municípios, que em razão da urgência de sua resposta, não tenho como detalhar todas no momento. Note-se que deste empréstimo ainda restam recursos em torno de R$ 90 milhões de reais, referentes a sua terceira parcela, a serem recebidos pelo Estado, essenciais à conclusão das obras programadas.

5) As obras referentes ao item anterior já estão concluídas?

R: Algumas obras já estão concluídas e outras a concluir. Para tanto, faz-se necessário que o atual governo do Pará solicite a liberação da terceira e última parcela ao BNDES.

6) Na prestação de contas do empréstimo do BNDES foram identificadas 16 notas fiscais que haviam sido anexadas à prestação de contas do BB. Por que a duplicidade? As empresas contratas com recursos do BB também foram contratadas para obras com os recursos do BNDES?

R: Em primeiro lugar, cabe destacar que nunca houve nenhum pagamento em duplicidade. Todos os pagamentos foram feitos em conformidade com as normas que regem a administração pública e através de notas fiscais. Cada nota possui um correspondente bancário de fácil identificação. Logo não seria possível fazê-lo em duplicidade. Isso nem mesmo consta no relatório da AGE. Nenhuma empresa recebeu duas vezes e isto está provado e pode ser checado pela reportagem no SIAFEM. O que ocorreu foi um erro de informação em uma planilha, já esclarecido, sobre o destino dos recursos de cada empréstimo, pois, como disse, os dois empréstimos eram do BNDES. As empresas que atuaram na execução das obras com os recursos de um ou outro empréstimo são diferentes, não existindo qualquer prejuízo ao patrimônio público.

7) A senhoras foi procurada pelas duas instituições financeiras para dar explicações sobre o episódio?

Em caso afirmativo, qual esclarecimento foi prestado?
R: Não fui procurada pelas Instituições.

8) A senhora tem conhecimento, já foi citada por outros órgãos de fiscalização (Tribunal de Contas, Ministério Público) em decorrência dessas questões apuradas pela AGE? Em caso afirmativo, quem a citou e quais esclarecimentos foram dados?

R: Como dito, não há irregularidade à investigar. As contas de meu governo foram aprovadas e a tentativa da presidência da Assembléia Legislativa do Estado de solicitar a reapreciação de minha prestação de contas em razão deste episódio foi prontamente rechaçada pelo Tribunal de Contas do Estado, que devolveu o processo à ALEPA ratificando seu parecer pela aprovação de minhas contas.


9) Como foi o processo de indicação da senhora para a Diretoria Financeira da Brasilcap? Com que a senhora conversou para tratar do assunto? Onde foram as reuniões, se for o caso? Houve alguma participação do Palácio do Planalto nesse processo? R:Sou funcionária concursada do Banco do Brasil e estou assumindo esta função por indicação dos sócios da Brasilcap.”


----------------------------

PS. Em contato com nossa assessoria jurídica, decidimos acionar judicialmente a revista Época para que seja reposta a verdade sobre a correta aplicação dos recursos.

28 comentários:

Anônimo disse...

´Como a senhora justifica as contratações? Como a senhora justifica a prestação de contas com as mesmas notas em convenios diferentes? Ana tem boi na linha

Blog Ana Júlia disse...

Caro Anônimo das 15:26h. Vc deve ter lido que não existe pagamento em duplicidade e que o próprio relatório da AGE reconhece que foram pagos mais de 285 milhões e nenhum em duplicidade. a AGE não prova em lugar nenhum que houve sumiço. Até por que nós comprovamos onde estão os recursos: Em mais de 80 municípios e nas emendas que os Deputados aprovaram e o governo cumpriu! Houve uma falha de preenchimento de planilha em relatório Parcial para Bndes. Já identificado e esclarecido. Portanto dizer que houve "sumiço" é calúnia e processarei TODOS. Os responsáveis pela publicação da matéria e os que repetirem a acusação contra mim!

Augusto Cezar Hollanda disse...

É isso ai Ana já chega de tantas acusações infundadas contra nosso governo, é chegada a hora de botar boca no trombone e processa gente aproveitadora e preguiçosa... Vão trabalhar!

Augusto Cezar Hollanda disse...

É isso ai Ana já chega de tantas acusações infundadas contra nosso governo, é chegada a hora de botar boca no trombone e processa gente aproveitadora e preguiçosa... Vão trabalhar!

Érika Oliveira disse...

Oi, Ana Júlia, minha eterna GOVERNADORA. Acompanhei esse processo de aprovação de suas contas, enquanto governadora do nosso Pará. Sinto orgulho do resultado positivo ao seu favor. Peço ao nosso Deus que te proteja e ilumine suas caminhadas. Sou Petistas e sempre honraremos com os juramentos que fazemos perante as pessoas, pois as quais nos elegem e merecem nosso total apoio. E digo mais, nós eleitos pelo povo é quem somos os empregados e eles o nosso patrão. Correto. A mulher culta e leal sabe edificar a sua casa. Portanto, que venha 2014. meu voto sempre será seu e do PT. Abraços e sucesso. Érika Oliveira. São Domingos do Capim, a Capital Mundial da Pororoca.

Érika Oliveira disse...

Oi, Ana Júlia, minha eterna GOVERNADORA. Acompanhei esse processo de aprovação de suas contas, enquanto governadora do nosso Pará. Sinto orgulho do resultado positivo ao seu favor. Peço ao nosso Deus que te proteja e ilumine suas caminhadas. Sou Petistas e sempre honraremos com os juramentos que fazemos perante as pessoas, pois as quais nos elegem e merecem nosso total respeito e apoio. E digo mais, nós eleitos pelo povo é quem somos os empregados e eles o nosso patrão. Correto. A mulher culta e leal, sabe edificar a sua casa. Portanto, que venha 2014. meu voto sempre será seu e do PT. Abraços e sucesso. Érika Oliveira. São Domingos do Capim, a Capital Mundial da Pororoca.

Anônimo disse...

• Debaixo do pé esquerdo escreva o nome dela. Repita 3 vezes:
Debaixo do meu pé esquerdo eu te prendo( nome dela) , eu te amo(nome dela),
eu te mantenho(nome dele), pelo poder das 13 almas santas e benditas e por
São Cipriano, você vai ficar apaixonada por mim e me fará muito feliz.Que você
(nome dela)só tenha pensamentos, olhos, coração,amor, desejos, tesão, admiração,
respeito,carinho,paz e realização sexual comigo.Que você (nome dela) seja uma amante ,
namorada, amigo, companheira dedicada e fiel completamente apaixonada
por mim .Assim eu acredito assim será feito.Amém(Publicar 7 VEZES essa oração......
simpatia forte demais , porém não se pode voltar atrás.
• Debaixo do pé esquerdo escreva o nome dela. Repita 3 vezes:
Debaixo do meu pé esquerdo eu te prendo( nome dela) , eu te amo(nome dela),
eu te mantenho(nome dele), pelo poder das 13 almas santas e benditas e por
São Cipriano, você vai ficar apaixonada por mim e me fará muito feliz.Que você
(nome dela)só tenha pensamentos, olhos, coração,amor, desejos, tesão, admiração,
respeito,carinho,paz e realização sexual comigo.Que você (nome dela) seja uma amante ,
namorada, amigo, companheira dedicada e fiel completamente apaixonada
por mim .Assim eu acredito assim será feito.Amém(Publicar 7 VEZES essa oração......
simpatia forte demais , porém não se pode voltar atrás.
• Debaixo do pé esquerdo escreva o nome dela. Repita 3 vezes:
Debaixo do meu pé esquerdo eu te prendo( nome dela) , eu te amo(nome dela),
eu te mantenho(nome dele), pelo poder das 13 almas santas e benditas e por
São Cipriano, você vai ficar apaixonada por mim e me fará muito feliz.Que você
(nome dela)só tenha pensamentos, olhos, coração,amor, desejos, tesão, admiração,
respeito,carinho,paz e realização sexual comigo.Que você (nome dela) seja uma amante ,
namorada, amigo, companheira dedicada e fiel completamente apaixonada
por mim .Assim eu acredito assim será feito.Amém(Publicar 7 VEZES essa oração......
simpatia forte demais , porém não se pode voltar atrás.• Debaixo do pé esquerdo escreva o nome dela. Repita 3 vezes:
Debaixo do meu pé esquerdo eu te prendo( nome dela) , eu te amo(nome dela),
eu te mantenho(nome dele), pelo poder das 13 almas santas e benditas e por
São Cipriano, você vai ficar apaixonada por mim e me fará muito feliz.Que você
(nome dela)só tenha pensamentos, olhos, coração,amor, desejos, tesão, admiração,
respeito,carinho,paz e realização sexual comigo.Que você (nome dela) seja uma amante ,
namorada, amigo, companheira dedicada e fiel completamente apaixonada
por mim .Assim eu acredito assim será feito.Amém(Publicar 7 VEZES essa oração......
simpatia forte demais , porém não se pode voltar atrás.

Anônimo disse...

Não estou aqui para acusá-la tampouco crucificá-la, mas, um jargão famoso pode ser citado: “onde há fumaça por certo há fogo”.
É verdade que muitas acusações não procedem, mas, uma revista como a ÉPOCA de credibilidade incontestável, no meu humilde ponto de vista não soltaria reportagem de grande repercussão sem antes ter checado as informações - nesse caso para o bem da Nação, imperioso abrir procedimento investigatório, só assim saberemos se é verdade ou não.
O grande mal da nossa sociedade são os políticos lacaios cara-de-pau que sempre conseguem justificar o injustificável na certeza da impunidade.
Esse câncer corrupção tem de ser tratado como crime hediondo, pois o corrupto rouba os direitos básicos do ser humano e, esse roubo praticado por delinqüentes travestidos de tecnocratas e políticos financia uma vida de luxo para os ladrões do erário e por outro lado financia a desgraça do homem pobre que se afundado na miséria patrocinada pela corrupção.
Com a palavra Ministério Público Federal, políticos probos do Estado do Pará se é que tem.

Rui Zilnet disse...

Muito bem Ana Júlia. Firmeza contra os canalhas. Processo neles!

Nonato Gonçalves disse...

Minha companheira Ana Júlia, está claro pelo exposto nesta matéria que o reporter agiu de má fé, divulgando fatos que sabe serem não verdadeiros e com tais acusações mentirosas, busca claramente tirar a sua credibilidade no seio social, atingindo a sua honra objetiva, configurando assim o crime de calúnia art. 138, § 1ºdo CPB. Então processo nele, e siga firme em sua luta, sempre sempre contando com nosso apoio.

Nonato Gonçalves-presidente do PT DASAC

Henrique Branco disse...

Mais uma leviandade dos seus adversários políticos que utilizam o PIG para produzir factóides e matérias "requentadas" por falta de pauta de ataques. As denúncias são facilmente derrubadas atráves de comprovações documentais apresentadas e balizadas pelos órgãos de fiscalização e controle competentes. A verdade sempre prevalecerá. Grande abraço.

Pedro Bala disse...

Esse Anônimo... E eu pensava que Homer Simpson era estória de desenho animado... A revista incontestável dele... Tadinho!!!!!

Diógenes Brandão disse...

Desde o ano passado, que esse factóide é hiper-valorizado pela imprensa paga local e nacional. Lembro que o Deputado Carlos Bordalo (PT-PA) chegou à desafiar o governador Simão Jatene (PSDB) à provar que houve pagamento duplicado e até hoje, passados 06 meses, nada consta de oficial. A marmota divulgada revela um plano nefasto de queimar a figura da ex-governadora e o PT por tabela e sinaliza que as pesquisas encomendadas pelo tucanato paraense dão conta de que a estrela petista está viva e incomoandando demais.

Augusto Cezar Hollanda disse...

Esse Anônimo... E eu pensava que Homer Simpson era estória de desenho animado... A revista incontestável dele... Tadinho!!!!! (2)

LINDBERG SANTOS disse...

Querida amiga ANA JÚLIA, a mulher sem faixa que todos querem agora tacar pedras.....é incrível que ENTRA GOVERNO E SAI GOVERNO SEMPRE VAI HAVER esta disputa para quem é o PAI DOS DESASTRES DO QUE OCORREU NO GOVERNO PASSADO, TODOS sabemos que precisamos de secretários formados por diversas alas de partidos coniventes politicamente por um ideal de trabalho. Durante o governo do ALMIR GABRIEL foi acusado de mandar matar trabalhadores que atirados pela fúria em prol de terra(por trás sempre vai haver interesseiros nas madeiras e terras futuramente) e hoje pode vir a candidato a prefeito de belém, o que pelo conhecimento seria ótimo,pois tem muito para contribuir, embora acho que sua posição é em outro cargo público....JÁ atual GOVERNADOR SIMÃO JATENE que passou a vida na questão pública sabe que NUNCA SERÁ FÁCIL governar com autonomia e interesse direto aos povos que tem agora como o SIM E O NÃO...pois SOMOS UM POVO UNIDO CHAMADO PARÁ....é hora de refrear a lingua e mostrar trabalho....a JUSTIÇA PODE FALHAR, pois os homens e mulheres são seres feitos de carne e osso e muitas vezes julgam pelo coração inflamados pelos noticiários e alguns sabem que um julgamento verdadeiro deve ser PELA RAZÃO DOS FATOS E COMPROVADAMENTE DADOS REAIS E VERDADEIROS.....Espero que nesta jornada que vens trilhando o PARÁ consiga crescer cada dia mais...venha a SENADORA e tenho certeza que será um MARCO NO PARÁ E BRASIL...esta eleição as ENTRANHAS SERÃO EXPOSTAS A TODOS que já está cansado de TANTAS PROMESSAS e infelizmente o PRATO DE FEIJÃO E ARROZ ainda vai continuar sendo um fator determinando para angariar votos....ENQUANTO O POVO PARAENSE NÃO ACORDAR E VOTAR PELA RAZÃO DE HOMENS E MULHERES COMPROMETIDOS VERDDEIRAMENTE PELO BEM DE TODOS iremos continuar vendo gente errada nos lugares certos....agradeço pelas considerações e continue sendo a ANA JÚLIA que conheci quando foi jogadada aos leões quando vice-prefeita....mas isso é outra história....até breve.

Anônimo disse...

Cara Ana Julia Carepa, minha solidariedade. Aquilo lá não se pode denominar de uma Reportagem. Esto, a que se presta a Revista Època e esse tipo de 'jornalismo' não passa de atos malidicentes, com objetivos claros de atingir sua honra pública, sua dignidade política.
Para quem razoavelmente acompanha o cenário político regional, é fácil perceber que a tal 'matéria' é mesmo um plágio desse 'colunismo' que aqui na terrinha ocupa o lugar da imprensa e do jornalismo. O estilo agressivo e desrespeitoso dos 'donos' do poder e da informação no Estado do Pará registra bem o DNA dessa ultra requentada denúncia.
Parabéns pela sua atitude transparente, de informar ao distinto público, com presteza e agilidade,os fatos, e, especialmente por revelar as "perguntas" do "reporter" (melhor dizer: pegadinhas") e o teor de suas prontas respostas.
Por fim, minha solidariedade pela violência política da qual a Sra. é vítima, pelo ataque à sua honra e dignidade. Parabéns pela altivez como a Sra. enfrenta esse indigno ato.
Prof. Dr. Paulo Sério Weyl

Arilson Campos disse...

quero te dizer Ana que essas noticias requentadas demais da uma azia queima o estomago faz mal pra pele, e pode até causar um tomor, por isso prefiro as vezes nem ler e essa revista que se propoe a investigar os governos, agora recomendo comprem a revista ti ti ti.kkkkkkkk. bjs querida.

Anônimo disse...

Não adianta mostrar o que pagou, mas sim os comprovantes da prestação de contas. Duas notas iguais para prestação de contas diferentes?Não queira pensar que todo mundo é idiota, só quem não entende nada de finanças públicas é que ainda se deixa enganar ou quem não quer acreditar do que a Sra. é capaz.

Zezinho Cardoso disse...

Dizer que a Revista Época é séria é brincadeira.Parece que este anônimo vive no mundo da Lua ou é idiota mesmo.

Zezinho Cardoso disse...

O Pará sabe que vc. não tem este tipo de personalidade Ana. Fique tranquilissima

Zezinho Cardoso disse...

Ana nós nos conhecemos, porém vc não está lembrada de mim. estivemos juntos naquele episódio da Funasa quando os servidores pediram a saída do coordenador Regional da época (Jacob) e sua turma que roubaram recursos da Funasa. Sou de Abaetetuba mais trabalho aqui. Sou filiado desde 79 por Abaetetuba e em belém desde 90.Mais agora pretendo voltar para minha terra e trabalhar pelo meu povo e pelo partido local, estou preparado pra isso. Já está na hora. Receba minha solidariedade, o Pará te conhece e confia em você.

Blog Ana Júlia disse...

Caro Anônimo do dia 08.01.2012 às 21:21h. Sempre os anônimos... Percebe-se que o ou a Sr(a) não conhece como se faz pagamento em administração pública! Cada pagamento gera uma Ordem bancária Numerada. E vinculada a ! Nota Fiscal Numerada. Estamos há 6 meses aguardando a AGE comprovar e mostrar a Ordem Bancária que demonstra o pagamento em duplicidade! E ficaremos aguardando 6 séculos. E não virá por que não existe! A página do Relatório da AGE do Gov. Estadual, mostra os valores que foram pagos com o financiamento BNDES. Mais até do que os 275 milhões do BNDES. Essa diferença é a maior!!! e não recurso faltando!! E em nenhum momento o relatório diz que ali teve pagamento em duplicidade.
As Notas foram anexadas a uma Prestação de Contas PARCIAL, enviada ao BNDES, e foi uma falha. reconhecida, mas que não significa pagamento. Como é prestação de contas parcial, até porque o governo ainda tem 91 milhões para usar no BNDES, é só enviar as Notas corretas. SIMPLES ASSIM!!!
O que comprova pagamento no poder público é Ordem Bancária!
Aprende tá anônimo das 21:21h !!

Marcos Moraes de Lima disse...

Eles vão fazer tudo para desviar a atenção dos brasileiros -e dos paraenses- para o livro do Amaury, que mostra a realidade que foi o governo do PSDB. Acho que a companheira Ana tem razão em processar qualquer acusação.

Edina Fialho Machado disse...

Oi Ana,nos sabemos o poder e a influência que tem a mídia na cabeça das pessoas,principalmente,daquelas que se acham inteligentes mas "são manipuladas" pelas informações sem filtrar seus conteúdos, as fontes e as ligações de quem as patrocina. reconheço o papel importante da mídia,mas seida existência de reportagens e matéias jornalisticas pagas e organizadas para "fazer a cabeça" contra ou a favor de alguém ou de um grupo, isso foi comprovado pelo própio Boni em livro relatando o papel da globo na manipulação da edição do jornal nacional contra Lula e a favor de Collor.Apesar do sucesso do Brasil na gestão do PT, continua a caça as bruxas, e para isso, alguns reporter e revistas "burguesas" e preferencialmente TUCANAS estão na linha de frente.
Fique calma, mas mande ver, faça justiça contra os caluniadores.
Edina

Anônimo disse...

Anônimo das 08:06,já ouviste falar em PIG(Partido da Imprensa Golpista)? Cara,por onde tu tens andado pra dizer que a Revista Época é confiável?Precisas ler o blog Conversa Afiada do Paulo Henrique Amorim pra ficares inteirado do que tá rolando na mídia.Tás muito mal informado.Procura ler o livro A Privataria Tucana pra poderes entender o porque da PIG estar desesperada atirando contra todos os políticos que não sejam do PSDB.

Anônimo disse...

Talvez tenha havido um bug em meu comentário anterior, que também é um questionamento. Vou tentar recompô-lo.
Eu disse que achava que grande parte de sua rejeição pelo eleitorado, principalmente da capital, nas eleições de 2010, se creditam a seus assessores, entre os quais, o PUTY, que se elegeu deputado com votação expressiva porque usou a Casa Civil para grangear votos com vários prefeitos do interior e a Assembléia de Deus. Mas, como cabo-eleitoral da ANA JÚLIA ele fez foi espantar os eleitores.
Até hoje a saida de CHARLES ALCÂNTARA de seu estaf é muito discutida.
Um outro assessor que espantou o eleitorado foi o delegado Raimundo Benassuli, cujo despreparo foi exposto em rede nacional com aquela "célebre" declaração de que a menina presa em Abaetetuba era débil mental porque nunca denunciou seus estupradores.
A senhora o colocou na geladeira por uma ano e depois, surpreendentemente, o colocou no micro-ondas e o serviu requentado ao Povo da Terra de Direitos.
Esse deja vu foi uma verdadeira bofetada no povo.
Qual a genial, extraordinária, qualificadíssima capacidade do dito delegado que foi chamado pela jornalista DORA KRAMER de débil emocional, débil funcional e débil social?
Agora que a senhora está em prolongadas férias tem tempo para explicar essa decisão de fazer retornar um servidor medíocre a chefiar a Polícia Civil.
A senhora pode explicar?

Eduardo Miranda disse...

Olha a TUCANALHA anõmina marcando presença!!! Vc está correta, governadora! É por isso que precisamos de leis mais rigidas para punir o mau jornalismo. "ABAIXO AO P.I.G. E A TUCANALHA POR TRÁS"

Anônimo disse...

nossa como o povo é burro teve que ver para acreditar, infelismente vamos ter que amargar esse governo fajuto, ainda tem quem o defenda hora, só pode ser os milhares de tapados que o elegerametá tucaralhada burra e infame.